Minhas divas: Cat Power

It’s not your face
Or the color of your hair
Or the sound of your voice, my dear
That’s got me dragged in here
It’s the ice in the seam,
the scheme of you
You’re supposed to have the answer
You’re supposed to have living proof
(Living Proof)

Já falei da Audrey, da Billie, da Frida, mas hoje vou falar da Cat Power, uma das minhas cantoras preferidas. Ela tem uma voz meio rouca, meio grossa e canta descarada e declaradamente inspirada no Bob Dylan, outro “divo” meu. Sem contar o repertório, desses de assinar embaixo de tudo.

He’s nothing but a stranger
Bring on home to me
He’s so weak on both his bended knees
Can you help me, help me please
Gee whiz, I miss the one that I need
I lost someone
(Lost Someone)

Além de ser o máximo (ela toca violão também), Cat Power é linda e super estilosa. No fundo, acho que ela é a prova que estilo é muito mais do que se veste porque ela não é super “montada”. Claro que ser linda, cantora cool e sexy ajuda qualquer um a ter um estilo diferente dos mortais comuns – mas, além disso, ela tem um visual de “estou nem aí”, com uma mistura de rock e androgenia que fica muito legal. Aliás, outro dia li uma entrevista da Rita Wainer dizendo que ela também adorava o estilo da Cat. Tão vendo?

Melt me down
Into big black armor

Leave no trace of grace
Just in your honor
(The Greatest)


Por isso ela é um dos meus ícones fashion e consolo quando me olho no espelho e me acho tão comum, tão sem nada demais no que eu estou vestido. Para conseguir se destacar da massa, não adianta sair fantasiado de estiloso, com tudo o que há de mais mudernu por aí – estilo tá lá dentro e é só aquele borogodó nosso que consegue sair pelos póros e ser identificado pelos outros.

Anúncios

3 opiniões sobre “Minhas divas: Cat Power”

  1. Nunca tinha visto a Cat Power até ver o filme “Um Beijo Roubado” (My Blueberry Nights). Você viu o filme?
    Ela aparece num pedacinho, mas é uma personagem importante.
    O estilo dela realmente parece ser bem legal.

  2. PUTZ nina, é verdade, nao tinha me ligado q era ela!!! é a ex russa do jude law!!!!
    ela é demais, e as duas musicas dela que estao no filme (que eu amo deeemais, viva wong kar wai!) são minhas preferidas (aliás, estão no post, Living Proof e The Greatest)

    bjss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s