Trilogia: Moda dos Machos – Epílogo

Bainha é um espaço democrático e onde os leitores têm voz ativa! E, atendendo a um pedido, vou fazer minhas considerações sobre a Trilogia Moda dos Machos (que vocês, que não leram, podem conferir aqui, aqui e aqui).

As entrevistas e a vida me ensinaram a evitar clichês quanto à opinião masculina sobre moda. Não cabe mais fazermos julgamentos sexuais (divisão da moda dos héteros ou homos, como nos explicou o Oliveros), embora eu acha que esta diferença ajuda na hora da balada, vamos ser BEM sinceras? Ehhehehehehe.

Trilogia: Moda dos Machos - Epílogo
Agora é a vez do meu ícone: Jude Law. Mas ele poderia usar até pochete que continuaria maravilhoso

Também é besteira dizer que homem não liga pra o que as mulheres vestem ou que só gostam de coisas curtas, decotadas e vulgares. Isso é generalizar, assim como dizer que mulher só gosta de homem sem pelos, ou peludos. Como demonstrou o Felipe e ressaltou o Eduardo, é uma questão de gosto MESMO, de VERDADE. É também uma questão de identificação.

Ao mesmo tempo, a maneira como a pessoa se veste às vezes pode não importar – embora eu acredite que isso quase nunca é possível. Quando o estilo do outro, em uma relação, é muito diferente do seu e provoca certo desconforto, a tendência é tentar mudá-lo, não é mesmo? Portanto, se o cara tem um gosto refinado para certas coisas da vida, como artes, cinema, ele vai ser mais aberto para o que a mulher vestir e não vai dar ataques se ela aparecer num look mais fashionista.

O que foi legal pra EU (escrevi pra mim, que HORROR!) fazer esta série, assim como trabalhar com moda masculina está sendo uma super experiência, é a forma como homens veem o estilo (até mesmo como enxergam a si próprios), e de como planejam suas compras, escolhas.

Nós mulheres deveríamos sempre carregar um homem (um santo da paciência) para fazer compras e ajudar a ter escolhas mais racionais. Aliás, deveríamos fazer um Boy’s Day, como meus amigos fazem o Girl’s e só ir às compras quando precisamos. Mas aí, como disse o Oliveros, seria mudar a cabeça da mulher. Mas na hora do aperto financeiro, algo tem que mudar mesmo, né?

Outra lição importante é não criar idealizações a partir das imagens que as revistas, campanhas, desfiles nos passam. Modelos devem ser admiradas pelo trabalho (difícil) delas – não servirem como modelo DE FATO de um corpo. Digo isso porque os homens não veem um modelo magrelo e novinho numa foto e pensam: nossa, quero ser assim, se eles mesmos não são assim. Eles simplesmente não se identificam e vão em busca daquilo que bate. Nós idealizamos.

Aliás, essa coisa de idealizar ao invés de buscar aquilo que se identifica com que já somos é BEM típico de nós, não? Tipo: relacionamentos, oi?

Enfim, é isso que eu penso. Espero que tenham gostado da série e muuuuito obrigada aos meus amigos e ao Oliveros, muito queridos!

2 opiniões sobre “Trilogia: Moda dos Machos – Epílogo”

  1. Oi Marcia, gostei muito da Trilogia, em especial (óbvio, né?) das observações bem espertas do Felipe e do Eduardo.

    Curioso que os 2 em perguntas diferentes se referem aos padrões de julgamento:

    "o olhar julgador é bem menos repressivo que aqui no Brasil" (Felipe)

    "Acho que isso está aos poucos mudando, mas os homens ainda têm medo de serem julgados por vestir algo diferente". (Eduardo)

    Fiquei pensando muito sobre o assunto. Acho que vou escrever sobre isso. É uma boa forma de dar um link para a triologia, sem parecer que é auto-promoção..kkkkk

    Bom quando posts dão pano pra manga, não????

  2. Oba, tive meu pedido atendido!

    Eu também reparei que os dois entrevistados falaram do "olhar julgador". Mesmo eles dizendo que se vestem para as mulheres, quem julga geralmente é homem, né?

    Interessante que eles disseram não aspirar ser como os modelos. Acho que, talvez, as celebridades são mais idelizáveis, para os homens.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s