Mistérios do mundo da moda

Os fashionistas odeiam as botas “pata de bode”. Eu também acho uma das coisas mais feias que já puderam inventar. São brutas, deixam o andar exxxxxxxxxxxtremamente deselegante e desengonçado. E não são “brutas rebeldes” como coturnos. São brutas do tipo “gosto de fingir que sou doidona curtindo uma vaibi na rave”.

O pessoal féxion também abomiiiina botas patas de bode. Mas agora gostaria que alguém do MUONDO DA MUODA me explicasse esse paradoxo: como é que podem achar ISSO bonito?

Das lojas de luxo ao Bom Retiro, só se vê esses tamancos de beleza INCOMUM. Meu Deus, que diferença tem em falta de elegância e finesse de uma bota pata de bode? Pior, por não ser preso ao pé, torna o andar ainda mais horrível.

Sabem a resposta para o mistério dos clogs serem moda e as patas de bode não? O Kaiser:

Não sei pelo o que Chanel deve estar tremendo mais no túmulo: por terem colocado esse sapato na marca dela ou pela falta de opinião própria sobre estilo da galere.

Desculpa quem usa ou colocou na marca, mas eu acho horrível.

27 opiniões sobre “Mistérios do mundo da moda”

  1. As grandes marcas têm essa incrível capacidade de criar um valor simbólico para qualquer tipo de objeto (mesmo os medonhos, como é o caso das clogs). A febre dos esmaltes também é “culpa” da Chanel, né? Dizem que tudo começou por causa do esmalte azul qualquer coisa da marca. Pois é, poor Coco.

  2. Idem! acho qualquer sapato que tenha salto e deixe o calcanhar para fora HORRÍVEL. Calcanhar é uma parte muito feia do pé de quase todo mundo, tenho cuidado até com rasteirinhas.
    Clogs então… horríveis! Não vou usar nem se ganhar de graça. Mas sei lá né? Todo mundo pode rever conceitos de gosto pessoal…

  3. De acordo!! De uma hora para outra as pessoas que achavam tal tamanco brega, começaram a dizer “acho que abri minha mente para a variedade”. Variedade ou modinha cega? Ah, me engana que eu gosto. São feios: tamancos, patas de bode, e aqueles sapatos de borracha que parecem tamancos. Pra mim, estão todos na mesma escala de involução.

  4. Não entendi a comparação. É como dizer que quem nao gosta de gatos também nao deve gostar de cachorros.

    Os novos modelos de clogs tem muito a ver com o contexto de moda atual e alguns modelos são realmente legais, porém eu nunca achei, sob nenhum aspecto, as botas bonitas. Nunca gostei da camurça, do salto esquisito, dos desenhos. Se isso faz de mim uma pessoa com “falta de opinião própria sobre estilo”, paciência então.

    O pessoal “das modas” tem essa mania de rotular as pessoas sempre que o gosto não é o mesmo do seu, ou de um determinado grupo. É ótimo que todos possamos dar opiniões, porém recriminar ou de alguma forma depreciar a opinião dos outros já me parece algo meio preconceituoso, não acha?

    1. Olá Claudio,

      obrigada pelo comentário!
      Desculpa se ficou ofendido pra você, mas o que eu quis dizer é que, muitas vezes (ou mesmo na maioria esmagadora das vezes), as sugestões que os estilistas e grandes marcas fazem nas passarelas acabam influenciando o gosto – mesmo sendo contraditório.

      Se pegarmos as justificativas que as pessoas dão para não gostarem das botas pata de bode seriam as mesmas características de um tamanco desses. então por que isso acontece? porque as botas ainda estão no universo popularesco e esses tamancos foram desfilados pela chanel, marca que hoje tem grande influência.

      eu mesma não estou livre da influencia de marcas. um exemplo era minha antiga repulsa por ankle boots. acabei “revendo meus conceitos” ou sendo convencida.

      na verdade, acho que o preconceito está no nosso desgosto pela bota de pata de bode porque, no fundo, a maioria das pessoas que usa são de classes mais baixas, que compram em lojas populares, em geral no combo barriga de fora + bota, etc. isso sim é preconceito e colocar rótulos (fazendo uma mea-culpa também)

      abs.

      1. Oi Márcia,

        Então, entendi o que você quis dizer. Mas insisto que moda é feita de fases e de contextos. Não imagino o Largfeld atrás da sua mesa pensando: que aberração da moda do passado vou relançar e vou transformar em hit?

        O sapato estava no contexto do desfile da chanel, está no contexto da moda dos ultimos 2 anos (mulheres com atitude mais pesada e extravagante: rock, anos 80, militarismo, maxi bolsas, maxi colares maxi tudo, enfim) e as pessoas começaram a ver como uma opção a se adaptar para esse contexto. Claro que, entendo a sua implicancia, e confesso que também tenho um pouco com as “it girls”, que dizem amém pra todas as tendências que vem de cima e não param para pensar no que elas representam.

        Mas temos que ser mais flexíveis, concorda? Até porq, como vc mesma disse, mais tarde a gente paga língua e acredito que isso nao é uma exclusividade sua. Quem nunca torceu o nariz pra uma peça que hoje tem no guarda roupa?

  5. Concordo em gênero, número e grau.

    A Prada relançou agora outra aberração: as sandálias de acrílico.
    Hoje em dia a opinião geral é que é sapato de piriguete da periferia, mas já estou visualizando a cara-de-cavalo da Sarah Jessica Parker ou a Blake Lively aparecendo com aquilo no pé em algum lugar e a “galëre” da moda usando daqui uns tempos e achando super “in”.

    Ewww.

  6. O dinheiro envolvido faz as pessoas mudarem as opiniões sobre as coisas…

    Se vendessem as botinhas infames na 284 as moçoilas mais alienadas iriam amar…

    Põe essa clog no desfile da Ropahara…. pra vc ver… hehehe!

    Mas muita gente da moda, tá achando lindo ser FEIO, em muitos sentidos… eu não acho!

    Beijos”!

    1. claro. rola um preconceito com as botas pata de bode, inclusive meu.
      rola preconceito com as meninas que usam, a gente chama de piriguete.

      bobos somos nós! HEHEHEHEH

      cada um usa o que quer – só acho meio bobo esse discurso muitas vezes impositivo da moda.

  7. Bom, moda é informação visual. Quanto mais uma pessoa vê algo (com ajuda de stylists, editoriais, campanhas e blogs!) sendo rotulado de tendência, elas acabam usando. O que antes era feio se torna “belo ?!”. O mesmo pode se dizer das listras (achatam o corpo etc…) e agora todo mundo usa horrores! Os cintos largos e com elementos pesados antes conferiam “psedo-atitude ao look”, agora a moda é ser leve, cintos finos, cores alegres. Opa! O problema não é “o que” e sim “por quê”. A priori vestido muito curto com saltão é vulgar, mas se as celebs usam todos querem usar. Daqui um tempo a moda será o comprimento da LV para vestidos/saias e o curto será abominável! E depois muda tudo de novo. Seria bom saber por que as pessoas compram coisas novas e “diferentes” para ficar “igual” a todo mundo. Falta atitude (sem ofensa, só honestidade mesmo) ^^!

  8. também não entendo essa seleção com algumas coisas. No caso não gosto de nenhum dos 2 modelos citados no post. No caso das clogs, comecei a observar o burburinho no mundo dos blogs em torno da Alexa Chung usando as clogs. Eu observava nos textos que as pessoas não achavam bonito, não curtiam,mas a sensação que passava era que “sentiam-se obrigadas” a usar porque a Alexa é a “it” do momento.

  9. Bom dia meninas, sem defender as Clog’s e as botas ” Pata de Bode” acho que podemos suavizar um pouco esta questão. Vamos pensar em design no seu sentido de funcionalidade. As botas patas de bode são ótimas para Raves, pq as fofas se metem num lamaçal e só este tipo de bota segura a onda. Podemos pensar nas galochas, mas o que fariam as baixinhas? Já as clog’s, saltinhos de acrilicos e outras feiuras a mais, eu não tenho um explicaçaão funcional a não ser que o povo adora reviver dos mortos os “clássicos” que muitos gostariam de esquecer, enfim…qual será o próximo a surgir?

  10. Nossa! Discordo totalmente. Acho as clogs lindas. Tão lindas quanto eram há vinte anos atrás, quando se tornaram febre no Brasil. E não vejo nenhum semelhança com as botas pata-de-bode. Vou comprar várias e nunca mais vou me separar delas. Vai que daqui a vinte anos elas voltam!!!

  11. Nossa, quanta opinião pra baixo!!!! É tudo feio, horrososo!!!!! acho essas botas feias, mas nem tanto, a moçada adora, e vai que vai de bota pra todo o lugar…..e quem não pode ter uma “botinha maravilhosa do Louboutin??? se atira do Viaduto do Chá ou é atropleada na Oscar Freire??? Os clogs vieram pra ficar, são lindos, um estilo que voltou repaginado, e comprem um só pra ver como fica muito legal!!!!!!!! eu tenho dois!! Adorei!!! e quem não sabe andar, que aprenda…nem todo mundo é modelo do SPFW e até lá tem uns tombinhos…..rsrsrsrs
    Beijos
    Cris

  12. Tem um monte de coisa horripilante no moundo faxxion, e aquelas patas da lady gaga?? xente… até que enfim alguém diz que o rei está nu.

  13. eu gosto dos clogs.. mas nao esse preto ai.. eu prefiro os marrons . com salto mais baixo sem tantos detalhes.. por ja ser uma peça diferente.

    mas nao consigo usar as tais botas “tijolo”como eu chamo.

    Acho q é uma questao de gosto!
    salmão e rosa são cores parecidas, mas quem gosta de uma não é obrigada a gostar da outra

  14. Huumm… como todo o respeito, sou super contra.
    Acho q as botas horriveis não parecem com os clogs. E acho clog estiloso e bonito. Tenho usado bastante, e vi que combina com muita coisa. Por isso que eu acho que “moda” e “gosto” são coisas diferentes.

  15. Finalmente um comentário coerente sobre a moda dos CLOGS. Um detalhe é que não é mais “babuche” ou “tamanco”, pra ficar fashion… vamos rebatizar o “novo” itshoes em ingles….rsrsrsrs

  16. Concordo plenamente com a semelhanca dos dois no quesito beleza, acho ambos horrendos!!! (claro que estética tem muuuito de subjetividade e cada um com seu gosto…) Mas as botas ainda tem uma utilidade: nao molhar os pés em dia de chuva! Já para os clogs, ainda nao encontrei utilidade..🙂

  17. Já faz tempo esse post, mas eu tava navegando na net…. E o fato é que eu adoro os tamancos…
    Agora ainda que moro na Holanda, o pessoal aqui usa os verdadeiros `clogs` que são muito úteis para todos os problemas que eles enfrentam vivendo nessa terra lamacenta. Colocam uma meia de la bem grossa e vao pra roça.
    Eu acho que gosto é pessoal mas tbm acho q sempre devemos respeitar as tradições da expressão da beleza em outras culturas.
    O tamanco que a gente usa (de repente eu sou a única usando ele…) é derivado desse clog como tantas outras peças do nosso vestuário são derivadas de tantas outras peças folclóricas ou específicas de determinada cultura.
    Enfim, é muito legal criar um post e ver que teve tanta repercussão. Não tem problema achar feio e tbm acho que não tem problema mudar de opinião…
    Beijos

  18. concordo plenamente com o post! sempre ODIEI essas botas e acho q os clogs só se tornaram queridinhos e it-shoes porque foram lançados por grifes (alô Chanel!) … aposto que se fosse lançamento de marca popular não faria muito sucesso… :s #prontofalei

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s