Pisavas em texturas distraída

Eu amo o céu da cidade onde mora a família da minha mãe, no sul de Minas. Como o nome da capital do estado, lá tem um belo horizonte. Aliás, acho que é uma das principais características das Gerais: o céu imenso, sem fim e cheio de cores.

Mas, no fim do ano passado, resolvi olhar pra baixo também. Passeando com minha sobrinha, passei por uma rua com calçamento de pedras irregulares, parecendo ruas feitas por escravos de cidades antigas (a da minha mãe não é TÃO antiga assim, como Ouro Preto ou Tiradentes). Com um efeito especial da minha câmera, que lembra filmes preto e branco, resolvi fotografar vários “chãos” e murinhos baixos da cidade, que tinham texturas interessantes.

Passei o feriado agora lá, e completei a série com mais um pouco de chãos de Itumirim.

Como acho que textura e desenvolvimentos de tecidos diferentes são uns dos principais caminhos para inovações na moda, compartilho minhas fotos aqui com vocês. Vai que inspiro algum engenheiro têxtil!

Mas acabei me empolgando e dando uma “subida” no olhar. Ah, valeu, vai?

7 opiniões sobre “Pisavas em texturas distraída”

    1. olá! obrigada!
      é uma Panasonic Lumix DMC-TZ8. comprei em londres, não sei cmo é o modelo dela na américa latina. mas é mtooo legal, recomendo. é uma compacta, normalzinha, mas mto boa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s