Entrevista Mirian Goldenberg – para as mulheres

Uma amiga minha me encaminhou o link para essa entrevista das páginas vermelhas da TPM (amo profundamente a TPM <3) com a antropóloga Mirian Goldenberg. Gostei tanto que resolvi compartilhar aqui com vocês com alguns trechos meus preferidos.

Eu estava tecendo comentários, mas como ando meio revoltada com a sociedade, resolvi ficar quieta pra não me arrepender depois. RÁ

amo a ironia fina dessa foto (autora aqui)

“[Mulheres alemãs] São diretas, enquanto nós somos meiguinhas, doces. Gosto desse jeito firme de ser mulher. E dá para continuar sendo feminina, delicada, suave, como é a brasileira.”

“E quem mais sofre e tem medo  do envelhecimento, quem mais reclama do corpo e dos homens são as meninas de 20, 30, 40 anos. Ficam com fixação na ruguinha, no cabelo branco, na celulite… Enquanto as mulheres de 60, 70 anos aprendem a ver o todo, e não o detalhe. Estão mais felizes, valorizam mais a liberdade do que o corpo; mais a saúde do que a aparência; mais as amizades do que os homens.”

“A sociedade está introjetada na mulher. A antropologia ajuda a compreender que o que você pensa ser um fracasso individual na verdade é um problema coletivo, cultural.(…) Às vezes a gente acha que está fazendo uma escolha, mas é a cultura dentro de nós escolhendo. Quando dá um clique, você começa a fazer escolhas dentro do que a cultura oferece.”

“O maior problema é que as coisas ainda são polarizadas no Brasil. Tem que ter filho e marido, mas tem que se dedicar ao trabalho. Não pode ser virgem, mas não pode ter muitos parceiros. Qual é a medida?”

“Quero que cada mulher seja livre para fazer escolhas. Se quiser casar, trabalhar, cuidar do marido, do filho, do corpo, é uma decisão. Mas, se não quiser fazer tudo, que possa optar com a mesma legitimidade.”

“Acredito que essa tristeza me alimenta para ser quem sou, para ter a sensibilidade que me permite escrever o que escrevo.  Sei que vai passar. E, ao mesmo tempo, sei que nunca vai passar.”

“Por isso, tenho desconfiança quando os homens ficam falando que as mulheres deveriam ser mais leves… O que é ser leve? Lógico que quero rir mais, que quero ser mais feliz, me divertir, que quero uma relação mais gostosa, sem brigas. Se isso é ser leve, ótimo. Mas se ser leve é aquela pessoa sempre sorridente, que não desafia, que não quer uma relação instigante, aí nunca vou ser leve.” >>> até aqueles que se dizem muito cultos, modernos e inteligentes pensam assim… triste.

“Pesquisei risada e felicidade e vi que as mulheres riem menos, que querem rir mais. Que não riem muito de si mesmas, que riem mais dos homens, mas não gostam de suas piadas “infantis”, “imaturas”. >> pelo menos uma coisa eu faço certo, então

“elas falam da impossibilidade de ter intimidade com o parceiro e que os homens não sabem escutar. Enquanto os homens falam que as mulheres não sabem compreender.”

Enfim, LEIAM.

Cansei de ficar reclamando dos homens. Sim, nós mudamos e a maioria deles não acompanhou, por mais moderninhos que eles digam ser. Sim, esse lance de mulher inteligente e etc assustar é clichê, mas pior do que a inteligente é a contestadora e isso eles AINDA não aceitam. Pois vão ter que nos engolir. Porque SIM, quem tem que faze-los mudar e nos aceitar somos nós, não eles descobrirem sozinhos. Tudo começa por acreditar no seu VALOR. Acreditar na sua INDEPENDÊNCIA. Não é minha aparência ou meu estado civil que vão me fazer mais felizes. É a minha cabeça. Se a gente acreditar mais nisso, não tem pra ninguém.

Por favor, peço a colaboração de todas.

Uma opinião sobre “Entrevista Mirian Goldenberg – para as mulheres”

  1. Oii
    Incrivel a entrevista e penso assim como ela que a todo tempo somos cobradas e vigiadas, mesmo todos dizendo que não! Mas eu particularmente tento não ligar para todos esses cliches!
    Pintei minha unha com cores diferentes, no estilo “filha única”. Dá uma olhadinha e vê o que você acha.
    Bjim
    http://www.luanacrescente.blogspot.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s